.

Lilypie - Personal pictureLilypie Kids Birthday tickers


Lilypie - Personal picture

lb2f.lilypie.com/TikiBlogger.php/8AuU

Dilemas de uma mãe sem manual!

Lilypie Pregnancy tickers





sexta-feira

Blogagem Coletiva - Maternidade Real

  
 
 


   Quando decidi que era hora de ser mãe pensei em tudo de bom que uma criança possa trazer.
   Idealizei um bebê que não acordasse de madrugada, que não adoecesse, que fosse bem calminho e que não  ficasse pedindo as coisas em supermercados nem desse crises de pirraça.
   A realidade foi beeem diferente! Meu filhotinho acordou de madrugada até os cinco anos de idade! Ficou muito poucas vezes doente, mais ficou! (só teve febre uma vez na vida, acredita?) e deu várias crises em supermercados e shoppings centers quando negávamos um brinquedo!
  Consegui ser uma mãe com poucas preocupações mas um enooorme apego pelo filho. Penso no meu pequeno 24 horas por dia! Desde que ele nasceu sinto que temos uma relação quase osmótica! Não consigo imaginar um minuntinho da minha vida sem pensar ou saber que meu filho existe! Ele trasnformou toda a minha história em apenas sete anos!
   Como podemos ser completamente diferente nas atitudes e pensamentos que carregamos por uma vida inteira em apenas sete anos?
   Meu Deus! Ser mãe é o maior presente que a vida me deu! Tudo nessa vida tem sentido porque sou mãe!
   Filho, você me fez a melhor pessoa que eu posso ser! Amor indescritível!

quinta-feira

Me sinto impotente....

   Hoje, infelizmente vim aqui que é um blog que procuro compartilhar alegrias, pra prestar meus sinceros sentimentos as famílias das crianças que tiveram a vida interrompida tão cedo!
   Não consigo imaginar o sentimento dessas famílias! O clima das casas desses meninos agora nesse exato momento! 
   Meu coração tá em frangalhos.... meu e de todo brasileiro! 
   O que levou esse menino a cometer uma atrocidade dessas? Por que ninguém detectou sua insanidade? Como o deixaram entrar na escola?
  São tantas perguntas.....
  Só resta o silêncio e muita.....muita oração! Misericórdia, Senhor!
  Um beijo e fiquemos todos com Deus, Lê

 

segunda-feira

Niver da vovó e susto!

  Primeiramente gostaria de expressar aqui todo meu imeeeeeenso amor, admiração, respeito, dedicação, amizade, lealdade, ........e um monte de tudo que há de bom para a primeira pessoa que mostrou o que é o amor de verdade: MINHA MÃE!
   Não sei se já disse aqui, perdi meu pai quando eu tinha apenas dois meses de vida! (ele sofria de problemas respiratórios e morreu dormindo sem sofrimento algum). Minha mãe nunca se casou, nunca namorou (que eu saiba!) durante esse tempo todo! Ela se dedicou inteiramente ao trabalho e a mim!
   Ás vezes acho que ela deveria ter refeito a vida dela com outra pessoa, mas como a opção dela não foi essa e a outra metade dela acacou sendo eu! 
   Eu tive uma infância super saudável recebendo muito amor e dedicação exclusiva da mamãe! Olha que delícia? Na minha adolescência nos tornamos ainda mais amigas porque sempre tive na minha mãe uma amiga e tanto! A pessoa que sempre confiei mais do que tudo! E algumas de minhas amigas também!
   E ontem ela fez aniversário! Foi um dia lindo que passamos juntas e podemos agradecer mais um ano de saúde e felicidade! Parabéns, minha princesa! Obrigada por você existir e ser a pessoa que é! Te amo infinitamente com todas as minhas forças!
   Mudando o assunto, (odeio fazer isso porque fica tudo embolado num post só e parece economia!) .Estávamos nós na granja comemorando e Lucas brincando incansavelmente com seus priminhos, quando de repente, ele escorregou e bateu com a boca na quina da cadeira! Engraçado, mas costumo ter tanta paz numa hora dessas, que difícilmente me desespero! Acho que a ficha cai depois. Precisamos ter lucidez pra agir, né? 
   Bom, a boquinha dele ficou super inchada! Parecia que tinha tomado um super soco! Deu um corte por fora do lábio e um por dentro! Por sorte, não foi um corte que precisava de ponto (nem o levei ao médico) e não machucou nenhum dente!
   Passado esse susto, lá estava Lucas, uns vinte minutinhos depois (e uma toalha enxarcada de sangue de lembrança!), brincando de bola na piscina!
   São desses momentos que lembramos com detalhes de riqueza da nossa infância! Tombos, machucados e arranhões! Cicatrizes dos melhores momentos da nossa vida!
   Um beijo e fiquem com Deus, Lê

P.S.: Queria pedir aqui, a todas mamães orações especiais a pequena Sarah, filha da Rê! Ela ainda meio doentinha e precisa dessa corrente de oração de nós! Oração de mãe é forte, hein?

comenta


Orkut